Você está em: Notícias Gospel // Suzane Richthofen se tornou pastora evangélica chocando o Brasil mais uma vez

Suzane Richthofen se tornou pastora evangélica chocando o Brasil mais uma vez

suzane-pastoraA reportagem do Fantástico sobre Elize Matsunaga dentro do presídio, revelou que uma das presas que chocou o país Suzane Richthofen por matar seus pais, chocou mais uma vez ao se tornar pastora evangélica. Tal notícia novamente gerou polêmica e virou tema de debate nas redes sociais.

O Fantástico mostrou neste domingo a rotina das presas que chocaram o país com seus crimes: Elize Matsunaga, que matou e esquartejou o marido, o diretor-executivo da Yoki, Marcos Matsunanga, recentemente; Suzane Richthofen, que assassinou seus pais e Anna Carolina Jatobá, que foi condenada pelo assassinato da enteada, Isabella Nardoni. Elas convivem com outras mais de 140 mulheres que cometeram crimes repudiados até dentro das cadeias.

Mostrando a rotina das presas que trabalham em uma fábrica na Penitenciária Santa Maria Eufrásia Pelletier, em Tremembé (SP), a reportagem revelou que Suzane é atualmente pastora evangélica. A revelação gerou polêmica e debates na internet, por meio de sites de perguntas e redes sociais, questionando a sinceridade da criminosa ou se isso seria mais um de “seus planos” para reduzir sua pena ou ganhar dinheiro.

Muitos tiveram dificuldade de acreditar ou aceitar.

“Desta eu não sabia……..Infelizmente fica difícil acredita na conversão dela, pois ela se mostrou dissimulada, mas Deus sabe de tudo até o que se passa no coração dela e não cabe a mim julgar”, falou a usuária Jaqueline House.

Alguns estão certos de que isso é uma maneira de reduzir a pena.

“Claro que é uma maneira de reduzir a pena, ela nunca sentiu remorso do que fez, ela é fria e insensível; a intenção dela é a liberdade, apenas isso”, disse Maah.

Mas apesar da dúvida, internautas urgem para não julgar. “Não se deve julgar né Jaque…coração dos outros é terra que ninguém anda. Quem sabe se ela realmente não se arrependeu, e mesmo que não possa voltar atrás, tentar uma vida nova daqui pra frente né…”, respondeu Cris.

O internauta Lexos apoiou: “Não existe como sondar o coração de um ser humano. Somente Deus pode fazer isso. Se ela o faz de coração, terá uma chance, se não o faz, não terá. Mas eu realmente não sei a intenção dela. Caim, também era um filho de Deus. Mas enfim, detentos se tornarem evangélicos afim de obter status de bom comportamento é algo bem comum no Brasil.”

No Facebook, o debate também foi incendiado, com a maioria desacreditando da história e afirmando ser isso um plano “B” para obter “dízimos dos fiéis”.

“Primeiro a herança dos pais, agora a HERANÇA DOS FIÉIS”, escreveu Diego Augusto.

Suzane Richthofen foi condenada por matar os pais, Manfred Albert Freiherr von Richthofen e Marísia von Richthofen. Ela teria matado seus pais a “golpes de pau” juntamente com Daniel, seu namorado na época, e o irmão de Daniel.

O motivo teria sido a não aceitação do namoro pelos pais, além de um suposto interesse na herança que seria deixada pelos pais. Suzane foi condenada a 39 anos de prisão.

Share Button

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,


Fatal error: Uncaught Exception: 12: REST API is deprecated for versions v2.1 and higher (12) thrown in /home/admin/domains/palavradaverdade.net/public_html/site/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1273